NOSSA CAIXA DE OURO

Gostou? compartilhe!

Veja nossos artigos

NOSSA CAIXA DE OURO (*)

Gustavo G. Boog

Por anos a fio um mendigo ficava sentado na beirada dos caminhos, pedindo atencao e mendigando esmolas daqueles que passam por ele. Mas um dia, alguem fez toda a diferenca.

Me da um trocadinho, seu moco? dizia mecanicamente, estendendo seu velho e desgastado chapeu ao estranho que se aproximava
Nao tenho nao disse a pessoa. O que voce tem dentro desse bau no qual esta sentado?
Nada, e so uma caixa velha. Sento nela ha tanto tempo que nem me lembro mais.
Voce nunca olhou o que tem dentro do bau?
Nao respondeu nao tem nada mesmo!
De uma olhada insistiu o estranho antes de se ir.

E o mendigo abriu a velha caixa, o que lhe exigiu um bocado de forca, pois a ferrugem tomara conta. Quando finalmente conseguiu, nao queria acreditar no que via: era uma caixa cheia de ouro.

Quer sejamos mendigos, quer tenhamos muitos bens materiais, nossos potenciais sao esta caixa de ouro, sobre a qual muitas vezes estamos sentados e nem sempre sabemos a riqueza que la se encontra. Este tesouro que cada um de nos tem guardado dentro de si e algo a ser descoberto, resgatado e colocado a servico de causas maiores. Que neste Natal tenhamos a forca para poder descobrir estas enormes riquezas dentro de nos, e que possamos tambem fazer a diferenca para que outras pessoas achem suas riquezas interiores.

Um otimo Natal, com muita Luz e Paz nos coracoes, e um excelente ano de 2005.

Estes sao os votos da equipe Boog & Associados!

(*) adaptado do livroO poder do agora, de Eckhart Tolle, da Sextante Editora.



Gostou? compartilhe!

Whatsapp Boog Whatsapp Boog